Arquivos diários: 18/01/2019

capa-lauda-21-12

Defina suas prioridades financeiras para 2019

Para buscar prosperidade e especialmente tranquilidade financeira, é preciso planejar. Primeiro porque gastos desenfreados não vão te levar a lugar algum, segundo porque nem sempre a gente sabe se está indo para o lado certo, não é mesmo?

Fazer o planejamento da sua renda ou da sua família é o primeiro passo para colocar em prática aquelas promessas que você faz pulando ondas. Mas a pergunta que você deve estar se fazendo é: Por onde eu começo? Pode ficar tranquilo que a gente te ajuda. Separamos dicas primordiais para quem quer sair do lugar comum e dar o pontapé inicial na realização dos seus sonhos.

1. Estabeleça as suas prioridades

Para realizar seus objetivos, certamente algumas concessões terão que ser feitas. Passe a anotar todos os seus gastos para identificar para onde o dinheiro está indo. Planejar significa estabelecer objetivos claros, pois somente desta forma você vai conseguir deixar de gastar com aquilo que não é necessário. Após identificar supérfluos, você pode distinguir aqueles gastos que são mensais, mas que podem gerar economia. Despesas como combustível, alimentação, contas de água e energia sempre podem ser revistas. Faça escolhas conscientes, que estejam alinhadas com os seus objetivos. Sem dúvidas fazendo este exercício pessoal que é organizar as contas, boa parte do processo já estará encaminhado.

2. Defina seus objetivos financeiros

Definir os seus objetivos financeiros permite objetificar seus sonhos em valores monetários, desta forma é possível avaliar de que forma você vai alcançar. Após a organização das suas finanças é possível identificar de quanto dinheiro você dispõe por mês para investir e quanto vai faltar para atingir o seu objetivo.

3. Controle as dívidas

Existem dívidas boas e dívidas ruins. Nas boas se enquadram o consórcio da sua casa ou carro, por exemplo, e existem dívidas ruins como o parcelamento de um cartão de crédito, que é fruto de um planejamento financeiro errado ou da falta dele. Na hora de escolher de qual dívida ruim você deve se livrar o mais rápido possível, dê preferência para aquelas que possuem juros mais altos. Se o cartão de crédito é um problema na sua vida, livre-se dele ou estabeleça algumas regras para usá-lo sem perder o controle.

4. Crie o hábito de economizar

Economizar dinheiro e criar uma reserva financeira, é uma dica que deve ser levada para a vida. Além de honrar com os compromissos financeiros todos os meses, para economizar dinheiro é preciso ter disciplina. Se você ganha R$5.000 por mês e vive em um padrão de vida de R$5.000 nunca vai conseguir economizar ou investir o seu dinheiro. Neste momento é preciso definir o que é mais importante na sua vida: Realizar o sonho da casa própria ou ir para o barzinho duas vezes na semana? Acostume-se a viver com menos, isso não limita o seu padrão de vida, apenas estabelece prioridades. Defina metas e foque no planejamento das suas contas. Converse consigo mesmo pensando, “será que eu preciso mesmo disso?”, “ao invés de ir comer em um restaurante, não seria melhor fazer a refeição em casa?”

5. Planeje seu futuro

Há muitas opções para investir e pensar no futuro, na aposentadoria faz parte do equilíbrio financeiro. Além de cuidar das finanças diárias, planejar o futuro envolve pensar a longo prazo. Invista todo o dinheiro extra que ganhar ou cada sobra do seu salário. Investir em cartas de crédito para imóvel, por exemplo, pode ser uma alternativa de renda extra no futuro, afinal você pode investir no ramo imobiliário.

6. Tenha persistência

Não existe sentimento melhor que o de dever cumprido! E para que você tenha esse sentimento quantas vezes desejar, crie mecanismos que te ajudem a manter o foco. Se o seu cartão de crédito é um problema na sua vida, livre-se dele! Apenas planejar não muda a sua vida, mas sim a forma como você coloca em prática.

  • Mantenha-se motivado! Nem sempre as coisas vão acontecer no tempo que você espera, mas elas vão acontecer. Tenha paciência.

  • Seja flexível: sem em algum momento você gastou mais do que deveria, compense no próximo mês. O mais importante é não deixar que o deslize vire um hábito.

  • Crie metas reais! Se você se propôs a realizar mudanças para realizar os seus sonhos, tenha sempre os pés no chão com aquilo que você consegue realizar dentro de suas possibilidades.

  • Confie em si mesmo! Reflita sempre sobre os seus sonhos e a forma como você os idealizou. Acreditar em si mesmo e pensar sempre positivo é muito importante para não desistir dos seus sonhos.

 Gostou das dicas? Compartilhe com os seus amigos!

Quer começar a investir agora mesmo? Faça uma simulação com a HS Consórcios acessando o site http://hsconsorcios.com.br